Plano de saúde para restaurantes: entenda como funciona

out 7, 2020

ATENÇÃO

Todos os planos de saúde estão cobrindo o teste para o coronavírus.
Contrate agora mesmo seu plano e garanta melhores condições e os valores da tabela vigente.

O quão profundo é o seu conhecimento sobre plano de saúde para restaurantes, como funciona e de que forma ele deve ser utilizado dentro de uma empresa? Se você tem um negócio no setor gastronômico, mas não entende como oferecer um plano de saúde para seus funcionários, então é hora de aprender.

Isso é necessário pois o plano de saúde é o 3º objeto mais desejado pelos brasileiros de acordo com o Ibope, atrás apenas de uma educação formal e da casa própria. Portanto, é seguro afirmar que oferecer plano de saúde no seu restaurante vai garantir que você conseguirá atrair os melhores profissionais e mantê-los no seu negócio, sem risco de perdê-los para a concorrência.

E aí, quer aprender mais sobre o plano de saúde para restaurantes, como funciona e como usar? Então siga a leitura do artigo abaixo!

Plano de saúde para restaurantes: como funciona?

Oferecer plano de saúde é um dos principais benefícios que uma empresa pode oferecer para os seus funcionários. Isso porque a preocupação com a saúde é altíssima, como já vimos.

Em média, um bom plano de saúde individual no Brasil pode começar ao redor dos R$300,00, embora é comum que os preços fiquem muito acima disso quando comprados individualmente.

Por isso, muitos trabalhadores não têm a condição de ter um plano de saúde próprio, dependendo do Sistema Único de Saúde para suprir as suas demandas de saúde.

Assim, o plano de saúde via emprego é uma das principais alternativas para quem precisa de apoio médico. Por isso, o plano de saúde para restaurantes é um modelo de plano de saúde em que restaurantes podem comprar e oferecer para os seus funcionários.

Esse tipo de plano está disponível para restaurantes que atendem presencialmente, mas também por aplicativos de delivery, como o Rappi Restaurantes. Por isso, quando o restaurante contrata um serviço desses, pode oferecer planos de saúde a um preço competitivo para os seus funcionários. Isso torna mais fácil de contratar bons profissionais e mantê-lo na sua empresa,

Quais benefícios favorecer dentro do plano?

Dentro de um plano de saúde, é importante ter vários benefícios importantes para agradar os profissionais e fazer com que o plano tenha valor. Afinal, de nada importa oferecer um plano de saúde que não tem boa cobertura e não pode ser usado, já que o profissional não verá nenhum valor nisso.

O primeiro ponto a se considerar é se o plano de saúde cobre os principais procedimentos para o funcionário. Estamos falando de procedimentos médicos que são muito comuns e usados para diagnóstico, como exame de sangue, tomografias, ressonâncias e outros. Como é provável que os funcionários farão esses exames frequentemente, então é essencial que eles sejam cobertos pelo plano.

O segundo ponto a considerar é como a cobertura abrange os dependentes dos beneficiários. Afinal, todo profissional tem família e isso é muito valorizado. Poder estender os benefícios do plano para os familiares é essencial.

O terceiro ponto é entender quais os benefícios para procedimentos mais avançados, como internação para cirurgias, procedimentos cirúrgicos e muito mais. Esse tipo de abrangência costuma ser menos oferecida em planos de saúde empresariais de baixo custo.

No entanto, dependendo do tipo de cobertura que se pretende oferecer e do orçamento de marketing interno, pode valer a pena investir um pouco mais para ter uma maior capacidade de cobertura.

E por falar nisso…

Como calcular o investimento no seu restaurante?

Oferecer plano de saúde para restaurantes tem um custo, claro. É importante que o restaurante saiba como calcular o investimento necessário para cobrir esses planos de modo a não causar danos financeiros para o negócio.

É importante não fazer um cálculo mensal, mas sim um cálculo anual do investimento necessário. Isso porque há uma sazonalidade nos rendimentos do restaurante e, portanto, às vezes o plano não cabe em um ou dois meses, mas cabe com sobra nos outros 10.

Por isso, é importante ver quanto você gastará anualmente para poder calcular adequadamente se o plano de saúde para os seus funcionários cabe ou não nas suas finanças. Afinal, é possível usar as sobras de um mês para cobrir o prejuízo de outro. Além disso, é importante considerar os ganhos de produtividade que um bom plano de saúde pode causar nos seus funcionários. Isso porque profissionais melhor motivados acabam trabalhando com mais dedicação. Na prática, isso traz melhores resultados para a empresa.

Ufa, quanta coisa vimos, não é mesmo? Com esse conhecimento, você já entendeu o que é plano de saúde para restaurantes, como funciona e de que forma utilizar esse tipo de recurso para contratar os melhores funcionários e mantê-los no seu negócio. Além disso, viu também quais os benefícios mais interessantes de manter e como calcular o impacto do plano nas suas finanças.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe-o nas suas redes sociais!

ATENÇÃO

Todos os planos de saúde estão cobrindo o teste para o coronavírus.
Contrate agora mesmo seu plano e garanta melhores condições e os valores da tabela vigente.

Tabelas atualizadas dos principais planos de saúde: planos individuais, empresariais, para gestantes, para crianças, para familiares e para idosos.

5 dicas da amamentação para mamães iniciantes

Confira nosso guia completo de amamentação para mamães iniciantes, estas dicas serão úteis para ajudá-la a tornar a experiência agradável e ainda saudável para ambos.

Conteúdos relacionados: