ATENÇÃO

Todos os planos de saúde estão cobrindo o teste para o coronavírus.
Contrate agora mesmo seu plano e garanta melhores condições e os valores da tabela vigente.

Quais são os principais tipos de planos de saúde?

por | ago 6, 2021

tipos de planos de saude

Conhecer quais são os tipos de planos de saúde é essencial na hora de escolher o que melhor se ajuste às suas necessidades.

Existem vários planos que podem ser contratados por diferentes tipos de contratantes, como pessoas físicas e diversos tipos de pessoas jurídicas. Além disso, também podem ser solicitados diferentes tipos de abrangências e coberturas. Por isso, aqui vamos mostrar quais as opções para você e/ou a sua empresa.

Plano de saúde individual

O plano de saúde individual permite apenas um beneficiário. Além do mais, toda pessoa física consegue fazer a contratação direto com a operadora de seguros. Do mesmo modo, os planos podem ser adaptados ao perfil e grupo demográfico de cada cliente.

Por exemplo, se o contratante faz parte da terceira idade e precisa de atendimento geriátrico, é possível contratar um plano de saúde sênior que se adapte melhor às necessidades dele.

Plano de saúde familiar

Em contrapartida, o plano familiar dá a possibilidade de contratação para vários ou todos os membros da família. E, sim, felizmente os casais homoafetivos podem aderir a este tipo de plano de saúde.

No entanto, para todos os tipos de casais será necessário mostrar um comprovante da união, como:

• Certidão de Nascimento (caso tenham filhos naturais ou adotados);
• Certidão de Casamento;
• Comprovante de União Estável.

Da mesma forma, o número de integrantes pode variar entre as operadoras de planos de saúde. No entanto, sempre é preciso comprovar o grau de parentesco dos beneficiários.

Este tipo de plano normalmente é contratado por quem se preocupa com o bem-estar dos familiares e conhece a demora do atendimento por meio do SUS. Assim, opta pela opção de usar o sistema de saúde privado sem precisar pagar valores altos.

Plano de saúde para MEI e PME

No caso de MEI (Micro Empreendedor Individual) ou PME (Pequenas e Médias Empresas), existem diversos benefícios que se estendem a todos os associados. Contudo, a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) determina que a contratação somente pode ser feita por MEIs com pelo menos 6 meses de cadastro ativo.

Claro que cada operadora tem as suas particularidades em relação aos detalhes e condições nos quais o contrato será assinado. Mas, no geral, funciona da mesma maneira que os planos de saúde empresariais, só que com algumas restrições na questão da quantidade de membros e/ou colaboradores.

Tanto no MEI, quanto no PME, o número de vidas que deve ser abrangido precisa ser entre 2 a 99. Mesmo o MEI (Microempreendedor Individual), precisa adicionar um colaborador ou dependente (familiar).

Em contrapartida, quando os empreendimentos superam os 99 colaboradores, precisam migrar a um plano de saúde empresarial.

Plano de saúde coletivo empresarial

Como já falamos, este plano é apenas para empresas de grande porte, ou seja, a partir de 100 colaboradores. A contratação deve ser feita por uma pessoa jurídica (uma empresa). Desse jeito, quem possuir algum tipo de vínculo empregatício com o empreendimento poderá ser beneficiado por este plano.

O mais comum é que a empresa pague a maior parte da mensalidade, enquanto o colaborador paga uma pequena porção. Além disso, em contratos com 30 ou mais beneficiários ou para colaboradores que ingressaram na empresa após 30 dias da contratação não possuem carência.

Do mesmo modo, a cobertura e abrangência do plano dependerá das preferências da empresa que o contrata.

Plano de saúde coletivo por adesão

As entidades também possuem o direito de contratar um plano de saúde coletivo para beneficiar os seus filiados. Nesta modalidade, são incluídas associações de diferentes naturezas, como:

• entidades de classe;
• conselhos de classe;
• sindicatos;
• federações e confederações;
• cooperativas ou associações profissionais legalizadas.

Como a maioria dos planos de saúde, é necessário que a contratante seja uma pessoa jurídica e possui CNPJ ativo e válido. Além disso, será necessário comprovar a filiação dos colaboradores da entidade.

Igualmente ao plano de saúde empresarial, não existe carência para os integrantes que ingressaram após os 30 dias da assinatura do contrato.

Abrangência dos tipos de planos de saúde

Já definimos quais são os principais tipos de planos de saúde conforme o perfil do contratante. Porém, como já falamos, existem algumas particularidades que podem ser definidas de acordo com as necessidades dos contratantes.

Desta maneira, a abrangência se refere ao alcance que o plano pode oferecer. Existem três categorias:

  • Básica – o plano é válido no território regional, incluindo a cidade de residência e as localidades próximas.
  • Intermediária – da mesma maneira, atende ao território regional. O seu diferencial é a cobertura de emergências dentro de todo o território nacional.
  • Executiva – além de ter cobertura em todo o território nacional, às vezes existe a opção de cobertura internacional. Este serve para empresários que precisam viajar por conta de negócios.

Vale lembrar que a extensão do plano dependerá da rede de instituições e profissionais com os quais a operadora tem contrato. Isto é, os profissionais e estabelecimentos que atendem aos beneficiários por meio dos diferentes tipos de planos de saúde. Pode incluir:

  • médicos independentes;
  • consultórios;
  • laboratórios;
  • clínicas;
  • hospitais.

Cobertura dos tipos de planos de saúde

Por último, existem diversos tipos de planos de saúde conforme a cobertura que eles oferecem. Cada um deles cobrem uma série de procedimentos:

  • Plano de saúde de atendimento ambulatorial: cobre consultas, exames e tratamentos, desde que não exijam internação.
  • Plano de saúde hospitalar (sem obstetrícia): cobre a internação por prazo indeterminado, incluindo UTI.
  • Plano de saúde hospitalar (com obstetrícia): além de internação, assegura o atendimento na hora do parto. Por isso, este é o melhor dos tipos de planos de saúde para quem está grávida.
  • Plano de saúde Referencial: este é o plano mais completo, com assistência ambulatorial, hospitalar com obstetrícia e até internação na enfermaria.
  • Plano de saúde odontológico: pode cobrir diversos procedimentos como consultas, exames, tratamentos, urgências e emergências.

Analise bem os principais tipos de planos de saúde

Como vimos ao longo deste artigo, existem muitos tipos de planos de saúde, com várias opções referentes ao tipo de contratação, abrangência e cobertura. Por isso, é importante conhecer em qual dos planos você pode se encaixar e, ainda, considerar quais benefícios são os mais vantajosos.

Não importa se você precisa de um plano individual, se quer dar segurança para sua família ou se deseja oferecer mais benefícios aos seus funcionários: um bom plano de saúde é a melhor forma de garantir tranquilidade e bem-estar.

Uma boa opção para isso é contratar através de uma corretora de planos de saúde, assim você terá acesso às melhores opções por um ótimo preço.

Quer saber mais sobre o assunto? Baixe nosso e-book e descubra tudo o que você precisa saber sobre o funcionamento dos planos de saúde!

PEÇA SUA COTAÇÃO!

Solicite uma cotação personalizada de planos de saúde!
Ligue 11 4328-8880 ou envie uma mensagem!

ATENÇÃO

Todos os planos de saúde estão cobrindo o teste para o coronavírus.
Contrate agora mesmo seu plano e garanta melhores condições e os valores da tabela vigente.

Saiba o que o convênio Intermédica pode fazer por você e sua família

Vamos explicar como funciona o convênio intermédica, quais são os planos ofertados e os diferenciais que fazem com que essa empresa seja uma alternativa segura para você e sua família.

Conteúdos relacionados: